domingo, 20 de maio de 2012

Marido traído manda fazer feitiço para grudar esposa e amante

O caso tem provocado muita
polêmica, mas independentemente
disso, esse é mais um alerta para
aqueles que erram conscientemente
acreditando que jamais serão
desmascarados pela justiça divina
    Em Nairóbi, no Quênia, um Pastor evangélico recebeu um chamado para orar por um problema, no mínimo, estranho: sua missão era desgrudar um casal de amantes que ficou colado um ao outro durante o ato sexual. O que teria acontecido foi o seguinte: o marido estava desconfiado da esposa, então contratou um feiticeiro praticante de magia negra para fazer um feitiço que a fizesse ficar literalmente presa ao amante, com o objetivo de que o caso se tornasse público. De fato, o trabalho funcionou, de forma que, realmente eles não conseguiam se soltar um do outro em cima da cama. O negócio foi tão sério que eles se viram obrigados a pedir ajuda e, rapidamente, a notícia se espalhou e várias pessoas se aglomeraram na frente da casa. Tentaram o que foi possível, mas ninguém conseguiu ajudá-los; então, o marido chegou, e somente depois que o amante concordou em lhe pagar uma indenização, ele chamou um pastor para orar e quebrar o feitiço. Apesar da grande polêmica que
foi gerada a respeito da veracidade dessa história, sabemos muito bem que Satanás tem poder para fazer coisas como essas, ou até mesmo muito piores. Deus permite que esse tipo de vexame aconteça porque o adultério é um dos mais covardes e nojentos tipos de pecado que uma pessoa pode cometer. Tudo o que se faz as escondidas, mais cedo ou mais tarde, há de ser revelado diante de todos; por isso, devemos ter muito cuidado com os nossos atos. Como servos do Senhor, uma de nossas obrigações é estarmos sempre preparados, assim como estava esse Pastor que foi chamado para fazer essa inusitada oração. Agora, cá entre nós, se esse tipo de coisa começar a acontecer no Brasil, imagine só quantas igrejas começariam a fazer campanhas e vender óleo consagrado com o nome de "Óleo Santo do Desgrude", ou algo assim!


Fonte: Diversas Agências de Notícias
Texto: Jonas M. Olímpio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, seja ele crítico, elogioso, complementar ou simplesmente direcionado à esclarecer alguma dúvida.
Todos serão respondidos desde que estejam de acordo com o regulamento abaixo:
Não serão publicados comentários que contenham palavrões, ofensas, anúncios não autorizados, e/ou usuários anônimos.
Muito obrigado pela sua participação!

Obs.: Apenas respondemos quando percebemos que a pessoa realmente quer uma resposta, pois quando notamos que ela apenas quer arrumar confusão, simplesmente ignoramos.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.